Mulher infértil dá a luz aos 46 anos após profecia: “Deus é fiel”

Selma de Sousa Lima Cunha sempre atuou no Ministério Infantil em sua igreja e sonhava em um dia se tornar mãe.

Porém, aos 20 anos, a cristã de Fortaleza foi diagnosticada com um cisto no ovário e precisou retirar o ovário esquerdo. Apesar disso, o médico garantiu que ela ainda teria chances de engravidar.

Em 2002, com 27 anos, Selma casou com seu esposo Rogério. O casal planejou ter filhos, mas a mulher enfrentou dificuldades para gerar.

Mãe de um menino

Cheia de fé, Selma decidiu iniciar uma campanha de oração com sua amiga Erivalda. Durante o tempo de busca, Erivalda recebeu uma Palavra do Senhor, revelando que Selma seria mãe de um menino.

A mulher creu na profecia, mas os anos se passaram e nada aconteceu. “Eu sofria muito calada pois cada sobrinho que nascia, sempre tinha alguém para comentar ‘só falta o da Selma’, e esse comentário me doía muito, mas eu guardava esse sofrimento dentro de mim sem falar nada para ninguém, nem mesmo para meu esposo”, confessou ela.

Então, Selma foi investigar sua dificuldade de engravidar e descobriu que era infértil, porque sua trompa era interrompida.

“Eu estava com 39 anos de idade, fiquei arrasada, chorei, mas me lembrei da promessa do Senhor, então fiz outra campanha de oração”, contou.

Perseverando em oração

A cristã esperou com paciência no Senhor e continuou perseverando em oração, enquanto os anos se passavam. “Entendi que era para orar, pois só Deus para agir na minha situação e fiz a terceira campanha de oração”, lembrou.

Em 2019, quando Selma estava com 46 anos, o Senhor atendeu o seu clamor. “Deus mandou o meu milagre! Engravidei sem fazer nenhum tratamento, e só descobri a gravidez com quatro meses de gestação”, testemunhou.

Assim como o Senhor havia revelado, ela deu à luz a um menino no dia 4 de março de 2020.

“Rogério de Sousa Cunha Filho nasceu saudável e perfeito para honra e glória do nosso Deus. Ele está agora com 3 anos de idade. Deus é fiel!”, declarou Selma.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!